Agradecimento aos meus Queridos Alunos

Amor e Magistério

Na vida toda nós corremos atrás do reconhecimento, seja por sua pessoa, por suas conquistas, ou pelo profissional. Sentimo-nos felizes em ver pessoas queridas serem reconhecidas. Mas atrás de cada reconhecimento desses, há e sempre houve um professor, um mestre, um guia pras horas de aprendizagem e compartilhamento de decisões. Pois ninguém nasce sabendo e ninguém consegue dar um passo na vida sem a segurança de que o chão estará lá. Um pai, uma mãe, um professor, qualquer pessoa que passe esta segurança e estimule a conquistas de vitórias, são nossos mestres, nos ensinam a viver, e a eles, devemos a sabedoria e a aprendizagem nos dada na vida.

Cada palavra de agradecimento dos meus alunos me dão orgulho e principalmente coragem em continuar sendo professora, pois estas palavras me estimulam cada vez mais a continuar lutando por uma boa educação, que, infelizmente, sem o reconhecimento financeiro justo e merecido de um educador. Eu sei que muitos dos meus alunos jamais esquecerão minhas palavras para o resto de suas vidas, pois o ensino de geografia é para a vida, saber vê e lê o mundo, entendendo o papel na qual sociedade o impôs, e se não satisfeito, saber que para mudar depende de cada um de nós.

Mude! Transforme! Não adianta a revolta de braços cruzados, lamentando e se conformando. O homem cria a vida em sociedade, as mentes “espertas” guiam a sociedade pelo rumo  desejado, as mentes “ignorantes” obedecem e reproduzem a sociedade mesmo que seja a maior vítima dela. Mas as mentes “sábias e inteligentes” podem transformar a sociedade, mesmo que de pouco em pouco, surtirá os efeitos. Eu, como professora, faço pouco, mas faço. Repasso meu conhecimento, o que aprendi e estou aprendendo diariamente, compartilho indecisões, revoltas e conquistas com meus alunos. Ouço o que eles têm a dizer e falo o que eles precisam ouvir. Ensino e aprendo. Dedico maior parte da minha vida para o ensino. Mas enquanto eu estiver sentindo que o que faço, não está sendo em vão, mesmo que em longo prazo, continuarei minha luta para transformação. Pois foi aqui que me encontrei, e por este meio da educação que deixo minha contribuição para um mundo melhor.

Quero deixar bem claro, que ser professor é poder  trocar experiências com seus alunos é falar e ouvir, é ensinar e aprender, é estimular e desestimular atitudes incorretas, é discutir o porquê de ser incoerente em algumas decisões,  é saber pensar e transformar a sociedade para o bem da humanidade, e não reproduzir a sociedade, em que todos consideram injustos e cruéis, mas nada fazem para mudar isso. E, além de tudo, ser professor, é se orgulhar do que faz, pois nas condições atuais do ensino, o que me valoriza ainda mais como professora é saber que não foi uma falta de opção, como todo mundo diz ao discriminar a escolha do magistério, e sim, uma dádiva que nós, professores assumidos, temos para com a sociedade na qual todos fazem parte dela.

Eu tenho orgulho em ser professor e me supero a cada dia em arrumar forças e coragem para continuar lutando. Sinto-me feliz por isso e tenho a certeza de que estou plantando sementes  a serem colhidas num futuro próximo, pois sei,  que lá estarei presente de alguma forma nas mentes sábias em que passaram por mim um dia. Pois, se hoje escrevo isso, é porque tive mentes sábias que fizeram isso por mim um dia.

Obrigado a todos os alunos do CEF 2 que fazem somar minhas expectativas e experiência profissional. Agradeço vocês de coração pelos acessos a este Blog.

Com carinho Prof.º Mário Castro

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s